sábado, 30 de junho de 2012

Antonio Martins: Secretária de Saúde pede demissão e declara apoio ao Pré-candidato Dr. Zé Júlio

                                                                                                                                        Foto: Reprodução
Drª. Joelma Mesquita e seu marido, odontólogo Eudes Mesquita: do lado de Dr. Zé Júlio

Em Antonio Martins, o quadro sucessório vai se definindo a cada dia, com uma onda de novas adesões à Pré-candidatura do Médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio (PSD), que disputará à Prefeitura de Antonio Martins nas eleições do próximo dia 7 de Outubro.

Desta vez, foi a Secretária Municipal de Saúde, Drª. Joelma Joilma Mesquita, que pediu demissão do cargo e declarou apoio ao Pré-candidato da Coligação “Para Antonio Martins Voltar a Crescer” – PSD, PHS, PMN e PC do B.

Enfermeira do Programa Saúde da Família, Drª. Joelma Joilma é cunhada de Dr. Eudes Mesquita, dentista e bastante conceituado em toda região, que também se juntou a oposição. Os dois possuem mais de 10 anos de relevantes serviços prestados à população de Antonio Martins.

Ambos tomaram a decisão de apoiar o Pré-candidato Dr. Zé Júlio de comum acordo e forma irrevogável, por reconhecer o excelente trabalho que o Médico e Ex-prefeito fez pelo município, particularmente pela Saúde, durante os oito anos em que administrou Antonio Martins, entre 2000 e 2008

Com isso, o Prefeito de Antonio Martins, Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), que tenta a todo custo se manter no poder, continua perdendo apoios e novas adesões.

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Coligação lança Pré-candidatura de Dr. Zé Júlio à Prefeitura de Antonio Martins neste dia 30 de junho

                                                                                                                                                 Foto: Reprodução


A Coligação “Para Antonio Martins Voltar a Crescer”, formada pela aliança dos quatro principais partidos de oposição (PSD, PHS, PMN e PC do B), lança neste sábado, 30 de junho, no Salão Paroquial, a partir das 17h, a pré-candidatura do Médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio (PSD) à Prefeitura Municipal. O Pré-candidato terá como companheiro de chapa, o atual vereador Edmilson de Venir (PHS), que ocupará a vaga de Vice.

O agrupamento partidário pretende lançar onze nomes para disputar as nove vagas da Câmara Municipal de Antonio Martins nas eleições do próximo dia 7 de Outubro.

A Convenção pretende reunir diversas lideranças políticas e comunitárias, convencionais, filiados partidários, representantes da juventude e de toda a sociedade Antonio-maritnense.

A Coligação “Para Antonio Martins Voltar a Crescer”, formada por Dr. Zé Júlio e Edmilson de Venir, enfrentará nas urnas o atual Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), que pretende a todo custo se reeleger e tem como Pré-candidata a Vice, a esposa do empresário Hélio de Caboclinho, Alexandra (PSDB), que é natural de Alexandria, porém, com residência em Antonio Martins e São Paulo.

Coordenadora do PMDB mulher decide apoiar Pré-candidatura de Dr. Zé Júlio a Prefeitura Municipal


O Pré-candidato Dr. Zé Júlio (PSD) recebeu o apoio da coordenadora do PMDB Mulher, a assistente social Rosineide Mesquita, responsável pela realização de vários encontros na tentativa de organizar o partido, mas que acabou sendo sumariamente demitida pelo Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), sem qualquer justificativa.

Filha do Ex Vice-prefeito Zequinha de Mocinho, Rosineide Mesquita vai agora para a oposição, com o objetivo de reforçar o projeto político que pretende tirar Antonio Martins do atraso vivido nos últimos três anos e meio.

Com essa nova adesão, o Prefeito Edmilson Fernandes, que já tinha perdido importantes apoios dentro do PMDB, a exemplo do Vereador Evaristo Filho e de tantos outros, chegará à Convenção do seu partido ainda mais desgastado e enfraquecido politicamente.

A Coligação “Para Antonio Martins Voltar a Crescer” formada pelo PSD, PHS, PMN e PC do B, realizará sua Convenção neste próximo sábado, a partir das 17h, no Salão Paroquial, quando lançará os nomes do Médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio à Prefeitura de Antonio Martins, tendo como Pré-candidato a Vice-prefeito, o atual Vereador Edmilson de Venir (PHS).

Pré-candidato Dr. Zé Júlio recebe apoio de Pré-candidato a Vereador do partido do atual Prefeito


O Médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio (PSD) conquistou mais um importante apoio à sua Pré-candidatura à Prefeitura de Antonio Martins nas eleições municipais deste ano, marcadas para o próximo dia 7 de outubro.

A nova adesão veio de dentro do próprio partido do atual Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), que tenta a todo custo se reeleger, mas que a cada dia parece mais distante, com a debandada de seus aliados.

O apoio perdido foi do Pré-candidato a Vereador pelo PMDB, Devam Pimpão, que já vinha trabalhando sua Pré-candidatura, mas se afastou do atual gestor após consultar suas bases e familiares, preferindo acompanhar o Pré-candidato Dr. Zé Júlio, que sempre esteve ao lado dele.

A Coligação “Para Antonio Martins Voltar a Crescer” é formada por quatro partidos de oposição (PSD, PHS, PMN e PC do B) e pretende eleger o maior número possível dos 11 Pré-candidatos ao legislativo municipal, tendo o Médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio como Pré-candidato a Prefeito e o Vereador Edmilson de Venir como Vice. 

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Antonio Martins: oposição alerta Justiça Eleitoral para crimes eleitorais durante Convenção Partidária

                                                                                                                                           Imagem: Reprodução





A oposição em Antonio Martins a Justiça Eleitoral para as possíveis práticas de abuso de poder econômico durante a realização da Convenção do atual Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), marcada para este 30 de junho.

Conforme denúncia, o empresário Hélio de Caboclinho, casado com Alexandra, que é Pré-candidata a Vice-prefeita na chapa encabeçada pelo atual Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), que tenta a todo custo se manter no poder, teria arrendado a churrascaria de Preto, no bairro Alto da Ema, prometendo comida e bebida de graça para quem comparecer a festança.

A oposição acusa o grupo situacionista de sair divulgando por aí que vai abater cinco bois no dia da convenção, com o objetivo de atrair a população para o local, logo após a Convenção.

Os relatos indicam que o grupo pretende distribuir maciçamente ordens de combustíveis para quem comparecer ao evento, o que se configura em mais um crime eleitoral. Vale ressaltar que a Convenção é voltada aos convencionais e filiados partidários, embora a população também possa acompanhar.

Como o Prefeito Edmilson Fernandes já havia anunciado que não pretende gastar um centavo do próprio bolso, nem pode usar dinheiro dos cofres públicos, a expectativa é que a gastança fique mesmo por conta do empresário Hélio de Caboclinho, que é realmente quem está por trás do financiamento da Pré-candidatura de sua esposa.

A Procuradoria Regional Eleitoral do RN (PRE/RN) está atenta às possíveis irregularidades no processo sucessório em todo o Estado e promete agir com rigor diante de casos que fiquem comprovado.

A promessa de comida e bebida, além de ordem de combustível, como vantagens para que a população compareça à Convenção Partidária, se constituem em fortes indícios de aliciamento do eleitor, enquadrado no Art. 299 do Código Eleitoral, onde todos os envolvidos respondem, inclusive o candidato beneficiado.

A pena pelo crime é de 4 anos de prisão e pagamento de 5 a 15 dias-multa. Mas a compra de votos, mesmo que indiretamente, também pode resultar no cancelamento do registro da candidatura, na cassação do diploma ou até na perda do mandato (Art. 41-A da Lei 9.504/97).

Qualquer cidadão Antonio-martinense que tiver conhecimento de alguma irregularidade pode denunciar ao Ministério Público do RN ou à Justiça Eleitoral. Os telefones da PRE/RN são (84) 3232-3994/3900. O e-mail é: pre@prrn.mpf.gov.br.

Antonio Martins: definido o nome do Vice-prefeito na chapa encabeçada pelo Pré-candidato Dr. Zé Júlio

                                                                                                                                   Foto: Reprodução
Vereador Edmilson de Venir (PHS) será Vice-prefeito na chapa encabeçada por Dr. Zé Júlio (PSD)

O Pré-candidato a Prefeitura de Antonio Martins, médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio (PSD) e as lideranças dos Partidos Aliados que compõem a Coligação “Para Antonio Martins Voltar a Crescer”, definiram em comum acordo o Vice-prefeito na chapa da oposição, que disputará as eleições municipais do próximo dia 7 de outubro.

Depois de ouvir o Ex Vice-prefeito Ciriaco Alves e família, Pitica e Novo de Ciriaco, as lideranças partidárias e comunitárias, além da opinião pública, o agrupamento político chegou ao consenso de indicar o atual Vereador Edmilson de Venir, do PHS, para ocupar a vaga. A Coligação é formada ainda pelos partidos PC do B e PMN.

Dr. Zé Júlio e Edmilson de Venir vão enfrentar nas urnas o atual Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), que vem de uma gestão desgastada e tem como Pré-candidata à Vice, a esposa do empresário Hélio de Caboclinho, Alexandra (PSDB), que até bem pouco tempo atrás residia em São Paulo e é natural de Alexandria.

Edmilson de Venir é um dos Vereadores mais atuante da Câmara Municipal de Antonio Martins. Devido ao excelente trabalho desenvolvido, ocupa uma cadeira no legislativo desde 1989. Querido pelo povo, está em seu sexto mandato consecutivo. Bastante popular, o Vereador é genro do Ex-prefeito Adauto Nunes de Aquino, que administrou o município na década de 1970.


Vereador com 6 mandatos consecutivos na cidade de Antonio Martins/RN
 
1° mandato - 1989 a 1992
2° mandato - 1993 a 1996
3° mandato - 1997 a 2000
4° mandato - 2001 a 2004
5° mandato - 2005 a 2008
6° mandato - 2009 a 2013

Convenção do PSD e Partidos Aliados dia 30/06


terça-feira, 26 de junho de 2012

Antonio Martins: líder da oposição se reúne com presidente estadual do PSD para acertar convenção partidária que lançará pré-candidatura

                                                                                                                                                   Foto: Reprodução
Vice-governador e presidente estadual do PSD, Robinson Faria e o Pré-candidato Dr. Zé Júlio
Pré-candidato Dr. Zé Júlio, ladeado pelo Deputado Fábio Faria e o Vice-governador Robinson Faria

O pré-candidato a Prefeitura de Antonio Martins, Dr. Zé Júlio (PSD) esteve na última quinta-feira, 21 de junho, reunido com o presidente estadual da legenda, Vice-governador Robinson Faria, e com o Deputado Federal Fabio Faria, também pertencente aos quadros do partido.

Dentre os diversos assuntos em pauta, eles discutiram sobre a realização da Convenção Partidária que indicará o médico e Ex-prefeito como o candidato nas eleições municipais deste ano, marcadas para o próximo dia 7 de outubro. o encontro pluripartidário que dará sustentação a candidatura deverá acontecer ainda este mês.

Por ter sido um dos primeiros filiados, Dr. Zé Júlio é um dos co-fundadores do PSD no RN, ao lado do Vice-governador Robinson Faria e do Deputado Fabio Faria, que gozam de enorme prestígio político.

Diante do desgaste do atual gestor, o médico e Ex-prefeito tem conquistado novos espaços a cada dia, devendo fechar um amplo arco de aliança, inclusive com apoios do PMDB, partido do Prefeito.

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Prefeito de Antonio Martins negocia renúncia de pré-candidatura e depois descumpre acordo

                                                                                                                           Foto: Reprodução
Prefeito Edmilson Fernandes desistiu de candidatura e depois voltou atrás 

Em Antonio Martins, o comentário que circula é que, depois de frustrada a expectativa em torno da lista divulgada há poucos dias pelos Tribunais de Contas do RN e, posteriormente, da União, quando esperava a inclusão do nome do médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio (PSD) dentre os políticos inelegíveis, o Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB) comunicou aos aliados que estaria desistindo de sua candidatura à reeleição. Por trás da decisão tomada, havia também uma negociação obscura firmada com o empresário Hélio de Caboclinho e sua esposa, Alexandra.

Durante o encontro, o chefe do executivo Antonio-martinense oficializou a renúncia de sua candidatura e, logo depois, anunciou apoio ao nome de Alexandra, que é natural de Alexandria.

As atitudes imprevisíveis e impulsivas deixaram vários de seus aliados apreensivos e inseguros quanto aos rumos que a pré-campanha tem tomado.

Em contrapartida, a pressão dos funcionários contratados e daqueles  ocupam cargos de confiança na Prefeitura, ameaçados de demissão com a possível desistência de sua candidatura, fez Edmilson Fernandes voltar atrás em sua decisão cerca de 48h após o anúncio, fato que toda a população de Antonio Martins tem conhecimento.

O Prefeito não só fez isso, como foi mais além, descumprindo o acordo que havia firmado anteriormente com Hélio de Caboclinho, renegociando a vaga de Vice em sua chapa, que será ocupada por Alexandra, recém-chegada a Antonio Martins.

O mais impressionante nisso tudo foi Edmilson Fernandes ter readmitido sua pré-candidatura, quando antes havia sido taxativo ao afirmar que não tinha a menor condição de disputar o pleito, como também não poderia oferecer estrutura aos seus vereadores, deixando visível, para todos, o descrédito e o desânimo no êxito de sua própria campanha, deixando evidente de que estaria indo compor chapa apenas para dar satisfação aos aliados.

Quando resolveu desistir da disputa, o Prefeito alegou falta de condições político-financeiras, o endividamento da máquina administrativa, além das diversas obras pendentes, que ficaram paradas ao longo dos últimos três anos e meio e que precisam ser concluídas até o final de seu mandato, que chega ao fim sem respaldo da população.

Essa sua desistência nada mais é do que a confirmação de uma derrota anunciada e, por isso mesmo, tenta se apoiar em Hélio de Caboclinho, cuja esposa recentemente fez críticas severas a sua administração, numa clara demonstração de incompatibilidades entre os novos companheiros de chapa.

Desde que tomou posse, o Prefeito Edmilson Fernandes tem procurado passou sistematicamente atingir de forma ingrata a imagem do Ex-prefeito Dr. Zé Julio, deixando a administração em segundo plano e passando a priorizar seu projeto político. Agora, marchando para um final melancólico, negocia com o empresário Helio para apoiar sua esposa, Alexandra.

O que se conclui do enredo dessa novela é que, nos últimos dois anos, o Prefeito Edmilson Fernandes apostou todas as suas fichas que o nome do Ex-prefeito Dr. Zé Júlio estaria na temida lista de inelegíveis, fazendo apologias e propagando mentiras, como num prenúncio claro de que não teria nenhuma condição de enfrentá-lo nas urnas, o que se confirmou imediatamente após a divulgação das referidas relações dos tribunais, quando ele anunciou a desistência de sua candidatura.

O capítulo final dessa história diz respeito a ingratidão de Edmilson Fernandes para com o seu antecessor. Depois de três anos e meio difamando, caluniando, tentando destruir a imagem pessoal e a carreira política do Ex-prefeito Dr. Zé Júlio, que lhe deu “de mão beijada” um mandato, com uma candidatura única, isto é, sem adversários, consequência do reconhecimento do povo a sua bem sucedida gestão, premiada nacionalmente pelo Governo Federal, o Prefeito chega desgastado, às vésperas da convenção de seu partido, ao ponto de reconhecer a sua derrota, desistindo fugazmente da disputa, para em seguida anunciar apoio a Alexandra, esposa de Hélio de Caboclinho, mas, desta vez, como Vice.

Dessa forma, os analistas políticos de Antonio Martins e da região concluem que o Prefeito Edmilson Fernandes encerra a sua carreira política de forma melancólica, com uma biografia repleta de escândalos e manchada por desvios. Diante de toda a instabilidade política e emocional, resta saber se ele manterá sua pré-candidatura ou se surpreenderá novamente seus aliados desistindo da disputa eleitoral.

Professor fora de sala de aula não pode receber salário pago com recursos do Fundeb, diz TJ/RN

                                                                                                                                                   Foto: Reprodução



Professor fora de sala de aula não pode ser remunerado com recursos advindos do Fundeb 60, segundo o Tribunal de Justiça do RN (TJ/RN), bem diferente do que vem ocorrendo em Antonio Martins, onde a Secretária de Ação Social, Francisca Jácome Oliveira, mais conhecida no município por Verônica, é uma das beneficiárias, com salário de cerca de R$ 3 mil, quantia essa que supostamente estaria recebendo de forma ilegal, já que ocupa cargo de confiança na gestão do Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB).

Conforme entendimento da Corte, a gratificação encontra-se condicionada ao desempenho das atividades em sala de aula ou de suporte pedagógico. Portanto, Verônica não poderia estar usufruindo desse dinheiro.

Uma das condições definidas pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), que fixou diretrizes para os planos de carreira do magistério e, desta forma, considerou como integrantes dessa categoria tão-somente os profissionais que exercem atividades de docência e os que proporcionam suporte pedagógico, incluindo-se as atividades de direção ou administração escolar, planejamento, inspeção, supervisão e orientação educacional.

A decisão do TJ/RN teve como base um recurso movido por servidoras do município de Parnamirim, as quais alegavam serem beneficiárias de recursos do FUNDEB (Leia texto aqui).

Ao analisarem a documentação dos autos, foi constatada a inexistência de provas de que as apelantes desempenham funções docentes ou de suporte pedagógico direto ao exercício da docência, que justifiquem a concessão do pedido.

No caso de Verônica existe um agravante, pois ela não tem mais sequer vínculo com a Educação, uma vez que ocupa função de Secretária de Ação Social do Prefeito Edmilson Fernandes.

Depois que tomou conhecimento da irregularidade existente na folha de pagamento do Fundeb 60, a diretora da Fetam/RN (Federação dos Trabalhadores em Administração Pública Municipal do RN), Marilda Maria de Sousa Silva, recomendou a presidente do Conselho do Fundeb de Antonio Martins, recém-eleita para o cargo, Vânia Alves Oliveira, que também é uma das fundadoras do Sindicato dos Servidores Públicos de Antonio Martins, a encaminhar o caso para a Justiça. Tudo leva a crer que este não é um caso isolado na administração do Prefeito Edmilson Fernandes. Outros funcionários possuem as mesmas regalias, uns até não dá nem expediente. Novos indícios de desvio de recursos do Fundeb 60 poderão surgir com o desenrolar dos acontecimentos.

Antonio Martins: lista do TCU endossa idoneidade do pré-candidato da oposição

                                                                                                                                                   Foto: Reprodução
TCU divulgou nova lista com políticos que não podem concorrer as eleições

O TCU (Tribunal de Contas da União) publicou nesta última terça-feira, 19 de junho, a relação dos políticos impedidos de disputar cargos nas eleições deste ano, marcadas para o próximo dia 7 de outubro.

Depois do TCE/RN, que no último dia 12 de junho divulgou sua lista própria de maus gestores; agora foi a instância máxima de fiscalização da aplicação dos recursos públicos federais que endossou a idoneidade do Médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio, pré-candidato da oposição à Prefeitura de Antonio Martins pelo PSD.

Da relação consta os nomes dos que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável e por decisão irrecorrível do órgão competente, ressalvados os casos em que a questão estiver sendo submetida à apreciação do Poder Judiciário, ou que haja sentença judicial favorável ao interessado.

Segundo a Lei de Inelegibilidades (Lei Complementar nº 64/1990), são inelegíveis os que tiverem as contas rejeitadas por irregularidade insanável e que configure ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do órgão competente.

Essas pessoas não podem se candidatar a cargo eletivo nas eleições que se realizarem nos oito anos seguintes, contados a partir da data da decisão, exceto se essa decisão for suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário.

Com dois mandatos consecutivos como Prefeito de Antonio Martins, cuja gestão ficou entre as 20 melhores do Brasil, segundo avaliação do Governo Federal, Dr. Zé Júlio enfrentará nas urnas o atual Prefeito, Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), que, ao que parece, tem feito uma administração inversa ao seu antecessor. A lista completa, por unidade da federação, pode ser conferida clicando aqui.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Rede Globo expõe fraudes em concursos públicos como o ocorrido em Antonio Martins

                                                                                                         Foto: Reprodução



No último domingo, 17 de junho, o programa “Fantástico”, da Rede Globo, exibiu uma reportagem especial onde revelava como funciona o esquema montado por empresas que transformavam concursos públicos em cabides de emprego em diversos municípios do país, a exemplo do que foi realizado em novembro do ano passado em Antonio Martins, mas anulado por recomendação do Ministério Público do RN (MP/RN), que identificou um plano que supostamente beneficiaria pessoas ligadas ao Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB).

Considerado um dos maiores escândalos em gestão pública, uma vez que lesou 1.285 candidatos que fizeram as provas, o concurso fraudado pretendia preencher 63 vagas na administração municipal, mas acabou não acontecendo mais quando tudo foi descoberto.

O golpe funcionaria da seguinte forma: como num jogo de cartas marcadas, o Prefeito Edmilson Fernandes indicaria os nomes que a instituição organizadora deveria aprovar, independente do resultado que obtivessem.

Na época, o Promotor de Justiça Eudo Rodrigues Leite chegou inclusive a associar o Prefeito Edmilson Fernandes com a suposta rede criminosa que vinha agindo em todo o Estado usando a empresa Concsel – Concursos e Seleção de Pessoal Ltda. como fachada para encobrir os delitos.

Na ocasião, ficou firmado que num prazo de 15 dias ele lançaria um novo edital, na modalidade de tomada de preço ou concorrência seria publicado, para a realização de um novo certame.

De lá para cá, já se passaram mais de seis meses e até agora nada foi feito. O pior nisso tudo é que ninguém sabe se o dinheiro da inscrição foi devolvido integralmente aos candidatos. Uma vergonha e um crime que continua impune.

O vídeo com o depoimento do Promotor de Justiça Eudo Rodrigues Leite associando o Prefeito Edmilson Fernandes com o esquema fraudulento pode ser visto logo abaixo. Já a reportagem completa do “Fantástico”, da Rede Globo, pode ser lida e assistida aqui.


video

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Prefeito de Antonio Martins atrasa pagamento e professores se veem obrigados a passarem Festa do Padroeiro Santo Antonio sem salários

                                                                                                  Foto: Reprodução
Prefeito não se comoveu com os professores nem diante de Santo Anotnio

Os professores de Antonio Martins não puderam aproveitar nada da Festa de Santo Antonio, pois foram obrigados a passar a maior parte dos festejos alusivos ao padroeiro do município de bolsos vazios, sem dinheiro nem para por comida na mesa. O Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB) ignorou de forma criminosa as necessidades da categoria e mais uma vez atrasou em mais de 10 dias o salário de maio de todos eles.

Os educadores contratados com recursos do Fundeb 60 somente receberam seus vencimentos no dia 11 de junho, próximo ao término do evento, realizado de 1º a 13 de junho.

Os recursos para o pagamento dos professores é assegurado todos os meses pelo Governo Federal, que destina 60% dos recursos para essa finalidade e não atrasa em nem um dia.

Os demais funcionários da Educação, pagos com os 40% restantes do Fundo, como ASGs, passaram pela mesma situação desagradável e os relatos são de que o Prefeito só pagou por que se viu obrigado. Edmilson Fernandes não se comoveu com a situação dos educadores nem mesmo diante do santo dos pobres, como também é conhecido Santo Antonio.


quinta-feira, 14 de junho de 2012

Dr. Zé Júlio é ficha limpa e poderá disputar a Prefeitura de Antonio Martins em 7 de outubro

                                                                                                                                                   Foto: Reprodução
Plenário do TCE durante aprovação de lista de gestores com contas irregulares


Dr. Zé Júlio (PSD) é ficha limpa. O médico e Ex-prefeito está hábil para disputar a Prefeitura de Antonio Martins nas eleições municipais deste ano, marcadas para acontecerem no próximo dia 7 de outubro.

Conforme divulgado no último dia 12 de junho, pelo Tribunal de Contas do Estado do RN (TCE/RN), o nome do pré-candidato ao executivo antonio-martinense não consta da temida lista dos gestores com contas rejeitadas, apesar de todo o terrorismo imposto pela equipe de auxiliares do atual Prefeito, Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), que a todo instante insistia em afirmar o contrário.

O relatório do TCE/RN apenas confirma o que já se era esperado e torna Dr. Zé Júlio apto a concorrer à cadeira no pleito vindouro contra o atual Prefeito, que tenta a todo custo se manter apeado no poder.

O médico e Ex-prefeito de Antonio Martins tem seu nome colocado pelo povo como alternativa ao retrocesso administrativo do Prefeito Edmilson Fernandes, pontilhado de escândalos e irregularidades.

Dr. Zé Júlio foi Prefeito de Antonio Martins durante dois mandatos consecutivos, entre 2001 e 2008, trazendo enormes progressos para o município e seu povo.

Da lista do TCE/RN constam os nomes de 575 gestores. Confira a lista completa clicando aqui.

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Antonio Martins: Secretária de Ação Social aparece em lista de pagamento do Fundeb

                                                                                                                                                                Foto: Reprodução

Marilda Sousa, diretora da Fetam: caso grave de desvio dos recursos do Fundeb


O Conselho que coordena o Fundeb (Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica) de Antonio Martins tem em mãos a relação dos professores que são pagos com recursos oriundos do fundo federal. Entre os nomes listados, eis a surpresa: a Secretária de Ação Social, Francisca Jácome Oliveira, conhecida no município por Verônica, aparece como uma das beneficiárias, com salário que chega a cerca de R$ 3 mil, dinheiro esse que supostamente estaria ganhando de forma indevida e, portanto, não teria direito a recebê-lo, já que exerce cargo de confiança em outra pasta dentro da administração do Prefeito Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), que, no caso, não é a Educação, mesmo assim, todos os meses ela embolsa essa quantia.

Por ser uma auxiliar de Primeiro Escalão, Verônica teria que abrir mão do salário que ganhava quando da época em que estava em sala de aula, lecionando, conforme prescreve a legislação, mas não é isso que tem acontecido aqui, em Antonio Martins. Pelo contrário.

Não se sabe exatamente como, mas a Secretária de Ação Social arrumou um jeitinho de continuar se beneficiando do dinheiro do Fundeb, quando na verdade deveria receber aproximadamente R$ 800,00, valor que corresponde ao salário da função que ocupa.

O estranho nisso tudo é que o salário de um Secretário Municipal é bem inferior ao que é pago a um professor de nível superior, no entanto, Verônica recebe umas três vezes mais e o pior, com recursos do Fundeb.

No acumulado, supõe-se que o esquema renda ao bolso da privilegiada Secretária algo em torno de R$ 40 mil, por ano. Isto, quando somado ao terço de férias e o 13º salário, o que é muito dinheiro, quando sabemos que a maioria do funcionalismo público municipal mal ganha o salário mínimo, isto é, R$ 622,50.

JUSTIÇA – A presidente do Conselho do Fundeb de Antonio Martins, recém-eleita para o cargo, Vânia Alves Oliveira, que também é uma das fundadoras do Sindicato dos Servidores Públicos de Antonio Martins deverá repassar a lista com o nome dos beneficiários do Fundeb à diretora da FETAM/RN (Federação dos Trabalhadores em Administração Pública Municipal do RN), Marilda Maria de Sousa Silva, que estará na próxima semana no município para homologar a filiação da nova entidade de classe.

O blog S.O.S. Antonio Martins entrou em contato com Marilda Sousa, que confirmou a existência da irregularidade na folha de pagamento dos professores de Antonio Martins.

A sindicalista afirmou ter sido alertada por Vânia Alves da inclusão do nome de Verônica na relação do Fundeb. “Eu recomendei Vânia a fazer uma cópia do documento e levar o caso diretamente para a Justiça, pois além de ser grave, essa mulher não poderia se beneficiar desse dinheiro”, afirmou.

Marilda Sousa ainda adiantou que tomou conhecimento de uma série de outras irregularidades que vêm ocorrendo na esfera administrativa em Antonio Martins. “Estaremos no município na próxima semana com nossa equipe jurídica para encaminhar alguns apontamentos à Justiça”, ressaltou.

Enquanto isso não acontece, o Conselho do Fundeb e os professores unidos devem cobrar do Prefeito explicações sobre o festival de desmandos e irregularidades que tem ocorrido em sua administração, por que o desvio de recursos da Educação, com objetivos claros de favorecimentos políticos e pessoais, se constituem crimes de improbidade administrativa.

Estão mais do que claros os motivos que levam o Prefeito Edmilson Fernandes a não pagar o terço de férias e o salário dos professores, que deveriam estar rigorosamente em dia.

Toda essa dinheirama desviada dos cofres públicos seria suficiente para colocar em dia o pagamento dos educadores, que mês a mês recebem com atraso e em sua maioria ganham cerca de três vezes menos do que é embolsado mensalmente por Verônica.

Como se isso tudo não fosse suficiente, Verônica foi mais além, mimando sua filha com um cargo na pasta à qual comanda, a Secretaria Municipal da Ação Social de Antonio Martins, o que por Lei Federal pode se configurar em ato de nepotismo.

Dentre os apoiadores que ainda restam ao Prefeito, Verônica é um dos nomes cotados para ser Vice numa chapa encabeçada por ele, que tenta a todo custo se manter no poder.

Eventual coordenadora da campanha de Edmilson Fernandes em busca da reeleição, a Secretária de Ação Social de Antonio Martins virou piada no município depois que passou a chamá-lo de “Papai”. Não é para menos, com um salário que beira os R$ 3.000,00, ela tem motivos até de sobra para tratá-lo assim.

terça-feira, 5 de junho de 2012

Prefeito de Antonio Martins tem perdido importantes apoios dentro de seu próprio partido

                                                                                                                                                      Foto: Reprodução
Vereador do PMDB, Evaristo Filho rachou com o Prefeito para apoiar oposição

Ex Vice-prefeito e atual secretário de Obras Ciriaco Alves e seus filhos: na oposição


Desacreditado perante a população e com o mandato caminhando para um fim melancólico, o Prefeito de Antonio Martins, Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), tem perdido importantes apoios, um atrás do outro. Dentro do seu próprio partido, lideranças de relevo político estão aderindo maciçamente à pré-candidatura do seu principal adversário, o médico e Ex-prefeito por dois mandatos consecutivos, Dr. Zé Júlio (PSD), que, apoiado nos anseios do povo pretende voltar ao executivo, com o desejo de reconstruir o município.

Suplente de vereador, nas eleições de 2004, e uma das lideranças do PMDB, Josemar de Breu, que havia sido convidado por Edmilson Fernandes para disputar uma vaga no legislativo Antonio-martinense, acaba de declarar apoio ao pré-candidato Dr. Zé Júlio.

Outro peemedebista a declarar apoio à pré-candidatura do médico e Ex-prefeito foi Dervam da Besta, que há 20 anos mantém uma linha comercial de passageiros de Antonio Martins à Mossoró, e vice-versa.

Embora também tenha sido convidado pelo Prefeito Edmilson Fernandes para sair candidato a Vereador, diante do desgaste da atual administração ele preferiu dizer não e acompanhar a liderança de Dr. Zé Júlio.

O Prefeito Edmilson Fernandes contava como certo o nome dos dois como pré-candidatos a Vereador pelo PMDB. Antes deles, outros membros do partido já haviam declarado apoio ao médico e Ex-prefeito, justamente por não acreditarem em seu projeto político.

O Vereador Evaristo Filho foi um dos primeiros a abandonar o barco, rachando com Edmilson Fernandes para se juntar a oposição, liderada por Dr. Zé Júlio, bem como José Dinarte, Chico de Maria Helena e o Ex Vice-prefeito e Secretário de Obras de Antonio Martins na atual gestão, Ciriaco Alves, além de seus filhos, o vereador Novo de Ciriaco e Pitica, que tinha sido convidado pelo próprio Prefeito para a vaga de Vice, mas que declinou do convite. Pelo visto, ninguém quer se queimar, se comprometendo com sua pré-candidatura.

Com uma administração estagna e pontuada de escândalos, o Prefeito Edmilson Fernandes vê a cada dia o grupo político criado em torno de sua pré-candidatura ruir. Descontentes com o retrocesso ao desenvolvimento, a expectativa é que novas adesões estejam em curso.

sábado, 2 de junho de 2012

MP e TCE/RN faz recomendação para que município de Antonio Martins não realize evento junino durante o período de emergência


Antonio Martins e os demais municípios do Rio Grande do Norte que decretaram situação de emergência, declarada por meio do Decreto nº 22.637, de 11 de abril de 2012, assinado pela governadora do Estado, Rosalba Ciarlini, estão proibidos de realizar despesas com eventos festivos.

O impedimento vem do Procurador Geral do Ministério Público de Contas, Thiago Martins Guterres, do Procurador Geral de Justiça, Manoel Onofre de Souza Neto, do Procurador Regional Eleitoral, Paulo Sérgio Duarte da Rocha Júnior e da Procuradora da República, Caroline Maciel da Costa, que assinam Recomendação Conjunta visando a preservação do dinheiro público.

Os procuradores entendem que alguns municípios apesar de se encontrarem em situação de emergência, vêm empregando verbas públicas na contratação de bandas e realização de festas em geral, o que se mostra incompatível com a grave situação de estiagem enfrentada.

A medida tomada nesta última sexta-feira, 1º de junho, priva as prefeituras municipais de contratarem artistas, serviços de “buffets” e montagem de estruturas para eventos, sob pena de adoção de providências cabíveis a cargo de cada uma das Instituições que subscrevem a Recomendação.

O gestor que porventura não acatar a recomendação poderá ser objeto de medida cautelar da Corte de Contas. Os Órgãos de Controle ainda podem solicitar a sustação de atos, contratos e procedimentos administrativos. Além de pedir a suspensão do recebimento de novos recursos, sem prejuízo da aplicação de multa, além de outras sanções.

A exceção fica para o uso de verbas federais recebidas do Ministério da Cultura ou do Ministério do Turismo, quando sua destinação estiver especificamente vinculada à realização de festas ou eventos culturais no município.

O documento alerta ainda que, a hipótese não se aplica o art. 24, IV, da Lei 8.666/1993, por não se tratar de bem necessário ao atendimento da situação emergencial ou calamitosa.

Em tal caso, a documentação relativa à execução do convênio, acompanhada do processo licitatório - inclusive notas fiscais pertinentes -, deve ser encaminhada ao Ministério Público Federal no prazo de 30 dias após a realização da festa ou evento.

ANTONIO MARTINS: enquete do blog Política Potiguar dá ampla vitória à oposição


Uma enquete realizada pelo blog Política Potiguar deu ampla maioria de votos ao pré-candidato da oposição à Prefeitura de Antonio Martins, médico e Ex-prefeito Dr. Zé Júlio (PSD), que obteve 59% (153) das intenções de voto, contra 35% (92) alcançados pelo atual Prefeito, Edmilson Fernandes de Amorim (PMDB), nas eleições municipais deste ano, marcadas para o dia 7 de outubro.

Vale ressaltar que As enquetes não se tratam de pesquisa eleitoral, descrita no art. 33 da Lei nº 9.504/97, mas de mero levantamento de opiniões, sem controle de amostra, o qual não utiliza método científico para sua realização, dependendo, apenas, da participação espontânea do interessado. (Art. 21 da Resolução TSE nº 23.190, de 2009).enquete não se trata de pesquisa eleitoral, descrita no art. 33 da Lei nº 9.504/97, mas de mero levantamento de opiniões, sem controle de amostra, o qual nao utiliza método científico para sua realização, dependendo, apenas, da participação espontanea do interessado. (Art. 21 da Resolução TSE nº 23.190, de 2009).

A enquete do blog Política Potiguar apenas traduz o anseio do povo de Antonio Martins, que deseja dá um basta nos desmandos amdinisrativos perpetrados há tres anos e seis meses e que caminha para um fim melancólico. Veja aqui.